Como praticar a carona solidária na volta às aulas

A Ford mostra como praticar a carona solidária e compartilhar destinos na volta às aulas, principalmente nas grandes cidades. Tradicionalmente, o fluxo de veículos nas ruas e avenidas aumenta consideravelmente, e é comum filas duplas em horários de pico como no período da manhã, horário de almoço e final da tarde. É uma maratona para muitos pais, mas outras pessoas acabam sendo prejudicadas pelo excesso de trânsito com reflexo para várias vias importantes da cidade.

Para ajudar a evitar congestionamentos, economizar despesas com o veículo e colaborar com o meio ambiente, a Ford dá algumas sugestões sobre atitudes básicas para formar um grupo de carona solidária, prática cada vez mais útil na alternância de automóveis para deslocamento de duas ou mais pessoas para a escola.

 ·         Primeiro, é necessário selecionar interessados que vivem na mesma região e tenham crianças estudando na mesma escola ou em outras próximas.

 ·         Definir claramente a rota e locais de ponto de encontro para busca e o retorno das crianças. Realizar um sistema de rodízio entre os pais, que pode ser semanal.

 ·         Criar um grupo no celular para comunicação instantânea por meio de um aplicativo de mensagens, facilitando o contato direto entre os responsáveis. Também ajuda a informar imprevistos durante o percurso. Neste sentido, por exemplo, os carros da Ford possuem o sistema de conectividade SYNC, muito útil, porque opera por comando de voz e tem acesso aos recursos do celular, como telefone e navegador. Isso permite uma direção mais segura, com o motorista mantendo sempre as mãos no volante.

Ford2016_SUV-Family_Millenials_11

 ·         Certificar-se sobre a segurança dos ocupantes antes de iniciar o trajeto. Mesmo em distâncias curtas, é mandatório que todos estejam usando cinto de segurança, inclusive no banco traseiro, o que é exigido também para as crianças. Segundo resolução do Contran (Conselho Nacional de Trânsito), caso a criança tenha menos de 1,45 m de altura, é obrigatório ainda o uso de cadeiras infantis, que podem variar de acordo com idade e peso. Nos veículos da Ford, elas vêm de fábrica com o sistema Isofix de fixação destes equipamentos, o mais seguro do mundo. Na linha de acessórios, tem ainda cadeiras infantis homologadas pelo Inmetro, órgão que fiscaliza a conformidade de produtos e serviços.

 ·         Nunca parar em fila dupla porque, além de prejudicar o tráfego de outros veículos, as estatísticas mostram que podem causar acidentes. É recomendado chegar à escola com alguma antecedência.

 ·         Reunir todas as crianças durante embarques e desembarques, facilitando a organização para maior segurança.

·         Manter os ocupantes entretidos, evitando agitação e “bagunça”.  Conforme a idade, alguns brinquedos ou jogos podem ajudar a passar o tempo, tornando o percurso uma experiência mais divertida e a chegada às aulas, mais prazerosa.

·         Finalmente, o trânsito consciente é uma responsabilidade de todos.

A Ford Motor Company está estabelecida no Brasil desde 1919, onde mantém as marcas automotivas Ford, Ford Caminhões e Troller e uma estrutura de 11.500 empregados e quatro fábricas, além do Campo de Provas de Tatuí. Para mais informações sobre os produtos da Ford, acesse www.ford.com.br.

Postagens relacionadas:

1 Comentário em "Como praticar a carona solidária na volta às aulas"

Deixe um comentário

Seu email não será publicado.


*